Pense antes de colocar a faixa na cabeça da sua bebê! “Bonitinha, mas Perigosa:

Não vamos entrar aqui na questão estética, pois gosto cada um tem o seu, como diz a sabedoria popular. A questão que deve ser pensada é se a faixa é segura para a bebê.

Segundo o osteopata José Eduardo, ele atendeu em seu consultório um caso de um bebê sofrendo de refluxo gastroesofágico e insônia Apesar de várias causas poderem estar relacionadas ao problema, chamou a atenção do médico a criança estar usando uma faixa na cabeça.

A faixa pode comprimir a sutura occiptomastóidea, e o nervo vago (que comanda o sistema gastrointestinal) passa próximo dessa região, logo o uso da faixa pode estar correlacionado com os sintomas.

Muitos estudos, de acordo com o especialista, já provaram que os ossos do crânio do bebê se movimentam. Desde o nascimento, os ossos do crânio fazem parte de um único tecido e, como a ossificação não está formada, permite uma flexibilidade articular relacionada com o funcionamento de todo o corpo da criança.

Muitos fatores podem atrapalhar o movimento e a flexibilidade do crânio do bebê, entre eles a faixa.

Os bebês, que são muito espertos, dão sinais do incômodo que sofrem quando usam a faixa. Dentre eles:
O bebê se movimenta para tirar a faixa;
O bebê pode ficar inquieto ou sonolento;
Dorme mal no dia em que usou a faixa;
Aumenta o refluxo gastroesofágico no dia em que usou a faixa;
Alteração do funcionamento do sistema gastrointestinal.

O osteopata é o especialista que tem condições de correlacionar as disfunções do crânio com os sintomas do bebê. O tratamento deve ser acompanhado pelo pediatra da criança também.

Pense antes de colocar a faixa na cabeça da sua bebê. É bonitinha? Mas.







Nenhum comentário:

Arquivo

Top 10 - Fatos e acontecimentos