Salto de Pirapora Notícias 2017

Salto de Pirapora Notícias 2017
Clique na imagem!

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Não haverá a queima de fogos de artifício no Calçadão na virada do ano

Cidade não realizará queima de fogos de artifício na virada do ano

É tradição em muitos lugares a queima de fogos para registrar a passagem de ano. Em Salto de Pirapora, esse ritual não tem acontecido nos últimos ano e em 2015 não haverá novamente.
De acordo com a secretária de esporte, cultura e turismo, Valeska Menezes Garcia, uma decisão em conjunto optou por essa ação. “Estamos em época de crise e o custo é muito alto, considerando que é necessária uma equipe técnica especializada, autorização do bombeiro. Para alguns minutos de queima, o valor gira em torno de R$ 38 mil.  Gostaríamos de fazer um show na virada, mas algumas complicações burocráticas impedem isso, então optamos por investir no Natal Cultural”.
O assunto divide opiniões. Enquanto algumas famílias acreditam ser um ritual necessário para marcar a passagem do ano, outros tem por seus animais de estimação, ou até mesmo crianças e idosos que se amedrontam com o som alto.
No ano passado, em dezembro do ano de 2014 para o ano de 2015 ocorreu a mesma situação porém as justificações foram outras.
Clique aqui e relembre o caso.

Divisão de Cultura da prefeitura explica os motivos de não ter acontecido a tradicional queima de fogos de artifício


quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Descaso do Governo do Estado de São Paulo com os doentes de transtornos mentais da região

Parceria incômoda

Hospital Psiquiátrico em Salto de Pirapora  / Foto: Da internet 
A Prefeitura de Sorocaba tomou uma atitude corajosa ao entrar com uma ação de execução de título extrajudicial contra a Secretaria de Estado da Saúde, pelo não cumprimento de sua parte no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para implementação do plano de desinstitucionalização de pacientes de hospitais psiquiátricos locais, assim como a adequação da rede de atenção psicossocial. O TAC foi elaborado pelo Ministério Público (MP-SP) em 18 de dezembro de 2012 diante da situação crítica em que se encontravam pacientes de sete hospitais psiquiátricos da região. Um deles, visitado por uma equipe de reportagem de uma emissora de televisão, foi assunto de repercussão nacional por conta da péssima situação em que se encontravam os pacientes.


O objetivo do TAC, como foi acordado, era a desinternação dos pacientes dos sete hospitais e a concomitante construção da Rede de Atenção Psicossocial no Estado para recebê-los. Criou-se então uma comissão tripartite composta por representantes do governo federal (Ministério da Saúde), governo do Estado (Secretaria Estadual da Saúde) e pelas prefeituras de Sorocaba, Salto de Pirapora e Piedade. A comissão ficaria responsável pela adequação da assistência aos pacientes com transtornos mentais, para fins de implantação das políticas e programas existentes no âmbito do SUS. O plano de ação teria duração de três anos -- prazo que terminou no último dia 18 --, prorrogável por mais um ano. Em sua ação judicial, a Prefeitura de Sorocaba trata dos transtornos que vem enfrentando nesses anos, com prejuízos financeiros. O documento destaca a inércia do governo estadual e informa que o Município vem, praticamente de forma isolada e com o apoio da União, viabilizando o processo de desinstitucionalização e adequação da Rede de Atenção Psicossocial (Raps), tal como idealizado no TAC. A Prefeitura de Sorocaba classifica a colaboração do governo estadual para o projeto de desinstitucionalização de "vergonhosa". Isto porque, de 2013 até outubro deste ano, a Prefeitura de Sorocaba injetou no projeto R$ 19 milhões, enquanto que o governo do Estado não repassou nada nos anos de 2013 e 2014, e em 2015 contribuiu com R$ 610 mil.
Governador do Estado de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB)
Foto: Arquivo Blog Adriano Vincler / O Governador em Salto de Pirapora
Nesse período, o município de Sorocaba desativou três hospitais psiquiátricos (Teixeira Lima, Mental e Jardim das Acácias), transformou o Hospital Vera Cruz em polo de desospitalização, gerido por uma organização social contratada pela Prefeitura, assim como reduziu o número de internos e reformulou a Rede de Atenção Psicossocial, com nove Centros de Atenção Psicossocial (Caps), uma Unidade de Acolhimento Infanto Juvenil e 26 Residências Terapêuticas. A administração municipal informa que, por omissão do Estado de São Paulo, a situação do município ficou bastante crítica, pois a Prefeitura teve que destinar enormes quantias de recursos para custear esse setor, comprometendo suas finanças e sofrendo inevitável desgaste político. 
Ao ser consultada, a Secretaria da Saúde praticamente confirma as denúncias da Prefeitura. Alegou em sua defesa que implementou leitos hospitalares tanto no Hospital Regional como na Santa Casa e que liberou R$ 610 mil para a implantação das residências terapêuticas e três Caps.
É correta a atitude da Prefeitura em cobrar na Justiça o cumprimento do acordo. Não é justo arcar com as despesas de um projeto amplo que inclui inclusive grande número de pacientes oriundos de outras regiões do Estado, particularmente em um ano que o setor de saúde foi fortemente exigido em termos de recursos financeiros e humanos. A Prefeitura precisou requisitar a Santa Casa para que a instituição pudesse continuar funcionando e ainda enfrentou uma epidemia de dengue que atingiu mais de 50 mil pessoas e matou 33. Esse aumento absurdo de gastos atrapalhou os planos do prefeito Antonio Carlos Pannunzio nessa área. Tanto que, somente agora, às vésperas de seu último ano de mandato, é que está disponibilizando o edital de concorrência para a implantação do Hospital de Clínicas de Sorocaba, que poderá entrar em operação no segundo semestre de 2017, se tudo der certo. Sem contar que o novo Hospital Regional, prometido pelo Estado há anos, mal saiu das fundações.




quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Ladrões de medicamentos são presos em Salto de Pirapora


Um rapaz e uma moça arrombaram portas e janelas do Posto de Saúde da Família, na Rua Stanislau de Almeida Barros, no centro de Salto de Pirapora, e subtraíram medicamentos.

Alguém viu a atitude da dupla e acionou o telefone 199 da Guarda Civil Municipal. O sistema de monitoramento da Guarda Civil também disparou sinalizando que havia invasão no P.S.F do centro. Uma guarnição foi até o local e flagrou os dois saindo do Posto de Saúde com medicamentos.  

Os guardas abordaram os dois e os detiveram; eles foram conduzidos ao Distrito Policial daquela cidade, onde o delegado Gilberto Montenegro ratificou flagrante de furto (artigo 155 do Código Penal). 

Daniel Mendes de 33 anos, é morador em Itu e Rafaela Gonçalves Mota de 23 anos, reside em Jardim Paulistano, Salto de Pirapora. Ele fora encaminhado para Sorocaba e ela para Votorantim. O fato ocorreu terça-feira à noite (22/12).


______________________________________________________________

Publicidades






segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Mulher é presa após acidente na SP-264 que matou um serralheiro em Salto de Pirapora

Foto: Los Motoboys Crazzy Dogs Salto de Pirapora
A Polícia Rodoviária registrou um acidente com vítima fatal, na altura do km 120 da rodovia Francisco José Ayub (SP-264), em Salto de Pirapora. Por volta das 23h30 de domingo (20/12), um automóvel Citroen de cor vermelho colidiu com uma motocicleta CB 300.

O automóvel era conduzido pela cozinheira Maria de Fatima Belarmino, residente no Jardim América, em Salto de Pirapora. Ela saiu ilesa do acidente. O serralheiro José Soares da Silva, 51 anos, residente em Tapiraí, que conduzia a motocicleta faleceu no local do acidente.

Policiais rodoviários apresentaram a cozinheira na Delegacia de Salto de Pirapora. O delegado Gilberto Montenegro Costa Filho prendeu a condutora em flagrante pelos motivos de homicídio culposo e embriaguez ao volante, e não arbitrou fiança. A mulher fora levada para uma unidade prisional feminina da região de Sorocaba.

Fonte: Blog Toni Silva Sorocaba

Fotos: Los Motoboys Crazzy Dogs Salto de Pirapora






Vereadores aprovam reajustes das faixas dos Valores Venais de Imóveis

A 42ª sessão ordinária, aconteceu dia 15/12 e foi a última de 2015. 


Na pauta do dia Projetos de Lei importantes foram votados, como o projeto que Estima a Receita e fixa a Despesa para o Exercício Financeiro de 2016; o Projeto de Lei Complementar que acrescenta o Artigo 15-A à Lei Complementar nº 010/2010, de 14 de dezembro de 2010, para dispor sobre reajustes das faixas dos Valores Venais de Imóveis de acordo com a variação do IPCA. (Aumento no IPTU 2016).


Esses são os vereadores que votaram pela aprovação do Projeto de Lei Complementar que acrescenta o Artigo 15-A à Lei Complementar nº 010/2010, de 14 de dezembro de 2010, para dispor sobre reajustes das faixas dos Valores Venais de Imóveis de acordo com a variação do IPCA. (Aumento no IPTU 2016). Que o prefeito Santelmo enviou para a Câmara Municipal: Jurandir Matos de Almeida - Jurandir Enfermeiro (PMDB), José Luis Vieira - Lagartinho (PMDB), Messias Pinto (PMDB), Izarildo Moreira Farrapo (PDT) e a vereadora Keli Luciana Ortiz (PDT), o último na foto é o prefeito Santelmo Xavier Sobrinho (PMDB).

Veja o vídeo com as discussões relativas a esse projeto complementar:


domingo, 20 de dezembro de 2015

Sobre o novo Ginásio de Esportes | Centro Esportivo de Salto de Pirapora

O prefeito Santelmo deveria ter iniciado a construção do novo Ginásio de Esportes (Centro Esportivo) em 2014 pois já estava previsto, afirma o vereador Alex.

Imagem ilustrativa
Durante a 42ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal em 15/12, segundo os vereadores Alex Ferreira de Souza (PT), Miguel Marcello Sobrinho Presidente da Câmara Municipal (PSDB) e Donisete Antonio Correa Barbosa (PT) relatam no vídeo, sobre a Emenda para ajuste financeiro na Câmara Municipal conforme a solicitação do Tribunal de Contas do estado de São Paulo e a construção do novo ginásio municipal de esportes  (Centro Esportivo).

O Centro Esportivo, as obras já deveria ter sido iniciada no ano de 2014, pois já estava previsto pelo município, os valores de 1 Milhão em 2014 e mais de 1 Milhão em 2015 e o prefeito Santelmo não o fez, porém as informações para as pessoas ligadas ao esporte na cidade não chegaram a elas dessa forma, informou o vereador Alex.

"Agora vim querer jogar toda a culpa que não vai sair o Ginásio de Esportes porque os vereadores aprovaram uma Emenda e que não sei o que mais, isso é balela, é conversa pra boi dormir", disse o vereador Donisete.

Saiba mais sobre essa discussão assistindo ao vídeo:


A 42ª sessão ordinária, aconteceu dia 15/12 e foi a última de 2015. 

Na pauta do dia Projetos de Lei importantes foram votados, como o projeto que Estima a Receita e fixa a Despesa para o Exercício Financeiro de 2016; o Projeto de Lei Complementar que acrescenta o Artigo 15-A à Lei Complementar nº 010/2010, de 14 de dezembro de 2010, para dispor sobre reajustes das faixas dos Valores Venais de Imóveis de acordo com a variação do IPCA (Aumento do IPTU 2016). E ainda o Projeto de Lei Complementar que institui o Plano Diretor de Transporte e da Mobilidade do Município de Salto de Pirapora, define princípio, políticas e estratégias e instrumentos para o desenvolvimento municipal.

Haverá também a apresentação de um Veto e a votação das emendas. Uma de autoria da vereadora Keli Luciana Ortiz e do vereador Alex Ferreira de Souza, Dispõe sobre a inclusão de Projetos para desenvolvimento Cultural, Ambiental e de Desporto deste Município.

E a última que dispõe sobre o remanejamento de estimativa de despesa para o exercício financeiro de 2016 da Câmara Municipal de Salto de Pirapora. 
Essa em especial tem causado confusão entre a população que acredita que o Centro Esportivo previsto para ser construído no bairro campo Largo, não será executado, conforme o vídeo acima.

Na última sessão, o presidente da Casa, Miguel Marcello Sobrinho já relatou que não haverá prejuízo no orçamento, já que o valor solicitado é de R$ 470 mil e a Câmara devolve aos cofres públicos, nesse fim de ano, R$ 400 mil.

sábado, 19 de dezembro de 2015

Os riscos de trafegar pela SP-264 reportagem do SBT


O grande risco que os condutores, motociclistas e motoristas tem de trafegar pela rodovia João Leme dos Santos (SP-264) entre Sorocaba e Salto de Pirapora foi mostrado pela reportagem do Noticidade da TV Sorocaba SBT, o repórter Jota Abreu mostra os pontos críticos da rodovia, os risco de acidente e o acidente ocorrido no bairro Morro Branco no km 118 da rodovia no dia 17, além das promessas do governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) com os prazos que não foram cumpridos conforme o que foi prometido.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Três acidentes no mesmo dia acontecem na SP-264

Fotos: Marcos MX Motos
Na manhã de ontem, 17, o auxiliar de produção, Guilherme Martins Arais de 29 anos, faleceu ao sofrer um acidente, quando trafegava com sua moto na entrada de salto de Pirapora, na rodovia João Leme dos Santos, SP-264.
O rapaz que residia no Bairro Campo Largo,  colidiu a moto  com outro veículo, mas o condutor do veículo não prestou socorro e fugiu do local do acidente.
Já no final da tarde, outros dois veículos se envolveram em mais um acidente. Um motorista que dirigia um Corsa Sedan  entrou na cidade e bateu em um carro que estava próximo a pizzaria I9. O motoboy da pizzaria estava atrás e viu quando tudo aconteceu. Sendo o carro batido da esposa do motoboy, ele começou a perseguir o motorista do corsa, que saiu da cidade, pegando a rodovia sentido Sorocaba. No km 118 da rodovia SP-264,o Corsa Sedan perdeu o controle e invadiu a pista contrária, colidindo com um Toyota Hilux.  A Guarda Municipal esteve no local e informou que o motorista do Corsa apresentava embriaguez. Ele foi levado à Santa Casa. O motorista da Hilux não sofreu lesões.
Em seguida, quando o caminhão guincho da DER (Departamento de Estradas e Rodagens) fazia a retirada dos veículos que sofreram o acidente, um caminhão desgovernado não conseguiu frear e acabou colidindo com o  guincho. O caminhão guincho do DER e o Corsa Sedan Branco ficaram destruídos com o impacto. Policiais Rodoviários e Militar ainda estava no local. Não houve feridos nesse acidente, o motorista do guincho do DER e pessoas que estavam no local conseguiram correr a tempo para não serem atropelados.
Guilherme Martins morreu no local (Foto: Jornal Cruzeiro do Sul)
O condutor do Corsa perdeu o controle, invadindo a pista contrária
(Foto: Marcos  MX Motos)

O caminhão guincho do DER ficou destruído
(Foto: Marcos MX Motos)
O Corsa branco ficou destruído antes de ser guinchado
(Foto: Marcos MX Motos)
(Foto: Marcos MX Motos)
Veja todas as fotos Clique aqui!

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Motociclista morre após colidir com veículo na SP-264


Um motociclista morreu em um acidente registrado no quilômetro 116,5 da rodovia João Leme dos Santos (SP-264) na manhã desta quinta-feira (17). De acordo com a Polícia Rodoviária, a informação inicial de testemunhas é de que a vítima teria colidido com uma retroescaveira, que teria fugido do local. 


A colisão aconteceu por volta das 5h45. O motorista da moto, uma CG Titan preta, seguia na pista sentido Sorocaba quando atingiu a retroescavadeira no mesmo sentido, relatou a testemunha à PR. A vítima morreu no local.


O local permanece com a pista da direita interditada e a Perícia Técnica é aguardada no local. O trânsito segue normalmente em uma das pistas.



Acidente na SP-264 mata motociclista que morava em Salto de Pirapora


O auxiliar de produção Guilherme Martins Arais de 29 anos, faleceu na quinta-feira pela manhã (17/12), ao sofrer acidente quando trafegava na moto CG 125 de cor preta, placa de Sorocaba DQU 3325.

O rapaz residia na Rua Irineu Moreira Farrapo, Bairro Campo Largo, em Salto de Pirapora. O acidente ocorreu quando sua moto transitava pelo km 116,5 da rodovia João Leme dos Santos, próximo ao Parque Pirapora.

A Polícia Rodoviária registrou que a moto conduzida por Guilherme Martins colidiu com outro veículo, mas o condutor do veículo não prestou socorro e fugiu do local do acidente. O caso está registrado na Delegacia de Salto de Pirapora.

domingo, 13 de dezembro de 2015

Motorista perde controle de carro e bate em poste

O veículo ficou destruído com o impacto - Foto: Blog Adriano Vincler
Na noite de domingo (13), um motorista, perdeu o controle de um veículo GM Corsa Sedan de cor preta, e bateu violentamente em um poste na Avenida Lydia David Haddad, próximo da Prefeitura Municipal de Salto de Pirapora.
Com o impacto, o poste quebrou e caiu em cima do carro. Uma ambulância e a viatura da GCM estiveram no local e socorreram o motorista do veículo para o Santa Casa de Misericórdia de Salto de Pirapora. Apesar da gravidade do acidente, ele foi levado consciente e com alguns ferimentos no rosto. O motorista não se machucou gravemente, segundo informações dos Guardas civis municipal que estavam no local do acidente.

 Em contato com os GCMs que ajudaram no socorro do motorista e na sinalização do local, eles não souberam informar o nome da vítima, o motorista estava sozinho no veículo.
A empresa responsável pela manutenção (CPFL), foi acionada para fazer a troca do poste e o reparo na rede elétrica que deixou vários bairros da cidade sem energia elétrica por aproximadamente 50 minutos.

Fotos: Blog Adriano Vincler









sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Rapper sorocabano lança videoclipe da música “Esparramou”

 Foto: Divulgação
O rapper sorocabano Márcio Roberto dos Santos, mais conhecido como Márcio Brown, lançou na semana passada (dia 2) o videoclipe da música “Esparramou”, com direção e filmagem de Raphael Gota. Durante o clip, Márcio Brown faz a reflexão e a valorização da história e resistência do Hip Hop como movimento cultural.

“O Hip Hop é um movimento de resistência, reflexão e de resgate do jovem da periferia e fora dela, podendo ser utilizado como ferramenta de resgate e autoestima. E é, também, um estilo de vida. Se não fosse o Hip Hop, eu poderia continuar perdido no meio do caminho, refletindo à época em que morei nas ruas quando garoto”, conta Brown.
O rapper, inclusive, se apresenta neste sábado (12), às 19h,  na 6ª Festa de Tradições Nordestina, que acontece na praça Coronel Fernando Prestes, em Sorocaba, com entrada gratuita.
Para conferir o videoclipe “Esparramou” e os demais trabalhos do rapper, basta acessar www.youtube.com/marciobrown89.

Sobre o músico

Márcio Roberto dos Santos, mais conhecido como Márcio Brown, sorocabano, rapper, arte-educador, militante do movimento negro e do Hip Hop. Foi nos bailes Blacks do Clube 28 de Setembro que iniciou seu envolvimento com a cultura de rua em meados de 1989, em Sorocaba.

Nessa trajetória dentro da música Rap, criou seu primeiro grupo o Juventude Negra e participou de outros, tais como: Os Brother do Rap, DMR, Irmãos de Quebrada, Gangsta Rap, Fora do Crime “grupo que lançou o primeiro registro do Rap em Sorocaba, em 1998”, 13 Volts e a Banda Fuzuê que misturava Percussão e Capoeira com Rap.

Seguindo as tendências dos EPs, Márcio Brown está produzindo o “Na Larika da Arte”, com seis faixas e tem produção de Nossa Cara Preta (estúdio do rapper) em fase de finalização independente. E neste trabalho conta com participação especial do DJ Bndee (ex-Fora do Crime), DJ Subrinho (ex-13 Volts), TX e Silas do grupo Projeto Sarjeta, Eggs do grupo X4, Carlo Rappaz (X da Questão) e Marcio Richard da banda Caixa Vedada.

Contatos para Shows: (15) 99128-1534/99810-8377 ou email: marciobrown89@gmail.com


Márcio Brown e Adriano Vincler com amigos da região. (Foto: Adriano Vincler)  

SP-264 | Passarela só depois das intervenções na pista



Apesar da promessa de que seria iniciada em novembro, a obra de implantação da passarela que será construída no trevo de acesso ao bairro Jardim Tatiana, no km 103,3, da rodovia João Leme dos Santos (SP-264), que liga Sorocaba a Salto de Pirapora, só deve começar após a conclusão das intervenções na pista, informou o Departamento de Estradas de Rodagem (DER). 
  
Sem mencionar datas, o departamento explicou que está realizando serviços de drenagem na pista para posterior pavimentação. Para moradores e comerciantes da região, as obras estão paradas. Conforme disseram, há aproximadamente 90 dias foi bloqueado o acesso ao bairro, gerando transtornos, e no entanto nada foi feito no local ainda. 
  
Quem depende do acesso, que permite agora apenas a entrada no bairro, se sente prejudicado, principalmente os que têm comércio. Para eles, o DER deveria bloquear o acesso apenas quando fosse iniciar as melhorias ali. A saída foi fechada em 1º de setembro. O departamento afirma que as obras de duplicação naquele trecho já foram iniciadas e que o bloqueio do acesso é essencial para a execução das intervenções e visa trazer mais segurança aos usuários da rodovia e operários. 
  
O mesmo processo de drenagem na pista acontece no trecho próximo a Chácara Santa Maria, onde também será implantada uma passarela. 
  
A SP-264 recebe obras de duplicação e melhorias do km 102 ao km 119,5, entre os municípios de Sorocaba, Votorantim e Salto de Pirapora, divididas em dois lotes. As obras foram iniciadas em setembro de 2014 e deverão ser concluídas em abril de 2016. O valor do investimento é de R$ 111 milhões. 


_______________________________________________________________








Arquivo

Top 10 - Fatos e acontecimentos